Projeto que institui a Semana Estadual de Conscientização da Cardiopatia Congênita é aprovado pelo Governo do Estado

O governador Geraldo Alckmin sancionou o projeto de lei nº 374/2012, do deputado Luiz Carlos Gondim, que institui a Semana Estadual de Conscientização da Cardiopatia Congênita no Estado de  São Paulo, a realizar-se, anualmente, na segunda semana do mês de junho.

Destaca-se no referido projeto que caberá à Secretaria de Estado de Saúde promover palestras, seminários, fóruns, entre outros eventos, com o intuito de informar a sociedade a respeito da necessidade do diagnóstico precoce das cardiopatias congênitas, bem como a possibilidade de seu tratamento e seguimento clínico.

O parlamentar reforça a importância do projeto para conscientizar a população sobre o tema. “Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) mostram que de cada 100 crianças nascidas vivas, pelo menos uma tem esse problema. A mortalidade decorrente das cardiopatias congênitas seria drasticamente reduzida se todos os cuidados pré e pós-natais fossem devidamente diagnosticados”.

“Dentre as seis milhões de crianças que nascem por ano no Brasil, em torno de 23 mil têm o problema, mas apenas 13 mil são operadas, principalmente pela falta de diagnósticos precoces. Esse total anual de cardiopatas representa número oito vezes maior do que a Síndrome de Down. É considerada a doença congênita mais comum e a que mais leva a óbito”, enfatizou Gondim.

A realização da Semana de Conscientização sobre a Cardiopatia Congênita foi uma reivindicação, em meados de 2012, da Associação de Assistência à Criança Cardiopata – Pequenos Corações ao deputado Gondim.

Deixe uma resposta